domingo, 17 de março de 2013

O QUE ACHA DA VALORIZAÇÃO DOS JOVENS ATRAVÉS DO ESPORTE?


O QUE ACHA DA VALORIZAÇÃO DOS JOVENS ATRAVÉS DO ESPORTE?



 
 



Srs.
Respondo que SIM o esporte pode valorizar e dignificar o jovem.


Comento:
Agora pessoalmente vejo nas MODALIDADES DE ESPORTES DE COMPETIÇÃO E SUPERAÇÃO COMO NATAÇÃO, ATLESTISMO, GINÁSTICA RÍTIMA, BASKETBOOL, VOLEYBOL E OS DEMAIS NESSA LINHA E TODOS ESLES PRATICADOS ATRELADOS A UMA FORMAÇÃO ESCOLAR PROFISSIONAL proporcionam uma maior valorização do jovem.

Com certeza as modalidades de esporte caraterizados em destaque pela competição e superação, contribuirá para um jovem de vida saudável, como competidores aprendem a cumprir regras e respeitar seu concorrente. E com nesse comportamento adquirido o esperado é que esses jovens sejam aspirantes que se tornarão no futuro também bons profissionais e cidadãos, cônscios de cumprirem seus deveres e assim também estarão preparados para exigirem seus direitos de cidadãos na sociedade em que convivam.

O Futebol, é um caso a parte, pessoalmente gosto de futebol, sei que é nossa paixão nacional o esporte de grandes públicos no Brasil e no mundo que produz vultuosíssimas somas de dinheiro, mas que precisam ser repensado alguns pontos:
1. A primeira questão esta na formação escolar profissional do jogador de futebol, no fim de seu período mais produtivo para seu clube quase que na totalidade não sabem lidar com o que ganharam durante fase da fama e glória e perdem todo o dinheiro, não tendo uma profissão acabam passando necessidades.
2. Lembro que a fama e a glória são para poucos, então a grande maioria não chegam a Pelé e nem tem o comportamento de índole de berço que tem o REI DO FUTEBOL, daí por falta dessas virtudes tem gerado desconfortos graves para eles e para a sociedade e esse comportamento mancha a pura emoção e a alegria própria do FUTEBOL.
E por zelo e respeito à pessoa humana desses maus profissionais, ou seja, que não foram preparados para a fama e a gloria e acabam se tornando manchetes dos mais diversos escanda-los e acabam julgados e presos por crimes as vezes hediondos.

3. Pessoalmente tenho a preocupação que a maioria dos jovens se mirem só no esporte principalmente no FUTEBOL como uma saída para sua VALORIZAÇÃO e forma de ganhar a vida a despeito de não se prepararem para enfrentar o VESTIBULAR e ou, um ENEN e conquistarem uma vaga em uma UNIVERSIDADE PÚBLICA renomada, mesmo superando a as diferenças sócio-economicas que são abismos ainda no Brasil.

Fico triste quando ouvi da mídia cearense agora recentemente que estamos importando engenheiros portugueses [ainda bem que são nossos patrícios], porque não temos engenheiros brasileiros preparados na disciplina que ele precisa na sua empresa.
E mais faltam médicos e defensores públicos nos interiores do BRASIL essas foram as mais recentes noticias veiculadas em mídia nacional. E que se acrescente a necessidade de mão de obra qualificada básica como mecânicos, eletricistas e de tantos outras qualificações que precisa o mercado de trabalho.

No BRASIL temos exemplos de grandes futebolistas PELÉ, GARRINHA, ADMIR DA GUIA, DIDI e os demais desses quilates, que me perdoem por não citar o nome de todos a esses referenciam elogios merecidamente, mas jogavam o FUTEBOL ARTE o dinheiro que os levou a fama e a gloria foi uma consequência. É preciso que esses jogadores atuais se mirem no exemplo desses grandes craques pelo lado de suas virtudes deixem que o dinheiro venha depois é assim em qualquer atividade humana.
A outra questão está no comportamento da torcida no futebol que não usem o momento da alegria do futebol e fervor da competição como válvula de escape de violências e vandalismos a toda sorte como se tem visto aqui nos estádios brasileiros e que não suba na cabeça dos torcedores cearenses que estão numa ARENA como estão batizando chamando aqui o CASTELÃO pessoalmente prefiro que seja mantido o nome ESTÁDIO mesmo com as diversas e multiplicidades de funções que podem ser aproveitado suas dependências. JUIZO torcida cearense A COPA DAS CONFEDERAÇÕES já está batendo as portas e depois vem a COPA DO MUNDO não vão fazer besteira para o mundo ver. PENSO ASSIM.
Nota:
Esse comentário responde pergunta da Srta. Liana em referencia a AJI – Associação de Jovens de Itapajé CE.
Postar um comentário