sábado, 2 de março de 2013

PIB PRODUTO INTERNO BRUTO Y = C + I + G + X - M

 
PIB
PRODUTO INTERNO BRUTO
Y = C + I + G + X - M

 
 
 





 Srs.
Alertei para saber o que é realmente PIB e como anda nosso BRASIL e me detive à pesquisa em varias fontes primeiro em saber o que é PIB como sou de engenharia e esse assunto de economia fui estudar o assunto. E já posso adiantar que não é preciso ter nenhuma formação, para se informar sobre esses indicativos de economia [PIB], renda [GINI] e desenvolvimento social [IDH] é dever nosso como cidadãos brasileiros estar informados do que se passa no nosso país.

Em 2011 oficialmente já contávamos uma população de 196.655.014 habitantes e tiro por mim poucos se interessamos em acompanhar esses indicativos, nossa cabeça está atenta ao placar do seu time de futebol, do que passa nas novelas e já estamos na expectativa do carnaval de 2014, quero dizer com isso, que não abandonemos nem o futebol, nem as novelas e nem o carnaval, faz parte da nossa cultura.

Como cidadãos brasileiros quase a totalidade somos desinformados do que passa com o BRASIL, temos que perguntar o porquê das coisas andarem pela aqui tão emperradas? Gente é preciso que nos informemos do que se passa, temos que fazer o exercício de nossa própria consciência e exercitar nosso dever de cidadão de opinar e reivindicar por nós mesmo o que seja melhor para o BRASIL.

Comento:
Como comentário , Transcrevo o que pesquisei sobre o assunto: “O produto interno bruto (PIB) representa a soma [em valores monetários] de todos os bens e serviços finais produzidos numa determinada região [quer sejam países, estados ou cidades], durante um período determinado [mês, trimestre, ano, etc]. O PIB é um dos indicadores mais utilizados na macroeconomia com o objetivo de mensurar a atividade econômica de uma região.”

“O crescimento econômico de 0,9% registrado pelo Brasil em 2012 foi o menor entre os países do Brics, grupo de emergentes formado por Brasil, Rùssia, Índia, China e África do Sul. A China teve o maior crescimento (7,8%), seguida pela Índia (5%), Rússia (3,4%) e África do Sul (2,5%).”

“O crescimento da economia brasileira também ficou abaixo da média mundial, que foi 3,2% no período. O Japão (com alta de 1,9%), os Estados Unidos e a Coreia do Sul (ambos com 2,2%) também tiveram aumentos do Produto Interno Bruto (PIB) superiores ao do Brasil.”.

“O crescimento brasileiro se equiparou ao da Alemanha, mas foi superior ao da França (0,1%). Na zona do euro, houve queda (-0,5%), assim como no Reino Unido (-0,1%), na Espanha (-1,4%), na Itália (-2,2%) e em Portugal (-3,2%).”

Cálculo do PIB:
Y = C + I + G + X - M
Onde
• Y é o PIB
• C é o consumo
• I é o total de investimentos realizados
• G representa gastos governamentais
• X é o volume de exportações
• M é o volume de importações
Nota:
PIB do Brasil 2012 = 4,403 trilhões de reais.

Critica ao PIB:
“O PIB tem recebido muitas críticas, que já vêm de alguns dos mais conhecidos economistas, incluindo os laureados com Nobel de Economia (por exemplo, Simon Smith Kuznets, Daniel Kahneman, Robert Solow, Joseph Stiglitz, Amartya Sen e Muhammad Yunus), mas é “claro, em sua defesa sempre poderá ser dito que não foi inventado para medir o progresso, o bem-estar ou a qualidade de vida, mas tão somente para medir o crescimento econômico, que é meio sem o qual não se atingem tais fins. “

“Mas a armadilha não é desfeita, pois a ideia de riqueza que deu origem ao PIB foi excessivamente influenciada pela atmosfera da Segunda Guerra Mundial. Concepção que logo ficou anacrônica, por só dar importância à produção de mercadorias e ao capital físico.
Daí que a única utilidade que talvez ainda lhe reste seja a de permitir comparação entre as produtividades nacionais do trabalho, desde que bem contadas às horas trabalhadas.” (Zeeli).”

“O Produto Interno Bruto (PIB) está no primeiro plano da mídia e, hoje, serve de referência quase universal para a maioria das análises. Milhares de líderes de opinião e pessoas que ocupam a função de tomar decisões, no campo econômico, político ou científico, são, permanentemente, guiadas em suas decisões pelo PIB, que serve de bússola para seus atos. Consequentemente, continuamos tendo um interesse excessivo pelo crescimento do PIB – ainda popular entre alguns economistas e políticos.”

E para concluir fiquei curioso e quis saber quantos países tem o mundo?
Resposta:
Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), existem 191 países. Mas há algumas ausências nessa lista. As duas mais famosas são Taiwan, cuja independência não é reconhecida pela China, e o Vaticano, que, apesar de ficar de fora do cadastro da ONU, é "observador permanente" da entidade, status que dá direito a voto nas conferências.
Além desses dois, a ONU não contabiliza possessões e territórios. A Groenlândia, por exemplo, fica de fora porque é território da Dinamarca. Para ganhar a carteirinha de sócio, o país deve ter fronteiras definidas, sustentação econômica - uma moeda ajuda bastante - e soberania nacional. E ainda deve ser reconhecido pelos outros integrantes do clube.
Mas a lista da ONU não é a única. Algumas associações esportivas também têm as suas. É o caso do Comitê Olímpico Internacional, com 202 membros, e da Fifa, que tem 205. Territórios como Aruba e Ilhas Cayman, não reconhecidos pela ONU porque pertencem, respectivamente, à Holanda e à Inglaterra, integram as duas entidades.

Trocando em miúdos temos aí contabilizados uns 205 países no mundo e nós se aproximamos em firmamos como a 7ª Economia no Mundo. Como estamos nesse RANKING em sétima colocação de economia no mundo estamos na frente de 198 países. É hora de refletimos e como está nossa qualidade de vida num país de PIB que totalizou 4,403 trilhões de reais?

Já saímos da linha de Pobreza?
Linha de pobreza é o termo utilizado para descrever o nível de renda anual com o qual uma pessoa ou uma família não possui condições de obter todos os recursos necessários para viver. A linha de pobreza é, geralmente, medida em termos per capita e diversos órgãos, sejam eles nacionais ou internacionais, estabelecem índices de linha de pobreza.
O Governo Federal adota como medida de extrema pobreza familiar rendimentos mensais abaixo de R$ 70 por pessoa. O Governo Federal pretende expandir o auxílio para mais 800 mil famílias, o Bolsa Família 2013 vai atingir mais de 13 milhões de famílias. O benefício é dividido em cinco tipos, são:
•Benefício Básico – valor de R$ 70, para famílias que estão na extrema pobreza, que possuem renda per capita igual ou inferior a R$ 70;
•Benefício Variável – valor de R$ 32, por cada criança de zero a 15 anos, gestantes e/ou nutrizes, com limite a cinco benefícios por família;
•Benefício Variável Vinculado ao Adolescente (BVJ) – valor de R$ 38, por cada jovem que tenha entre 16 e 17 anos, com limite de dois jovens por família;
•Benefício Variável de Caráter Extraordinário (BVCE) – valor calculado caso a caso, concedido a famílias migradas de Programas Remanescentes ao PBF;
•Benefício para Superação da Extrema Pobreza na Primeira Infância (BSP) – valor que vai corresponder ao necessário para cada família, que tenham crianças entre zero e seis anos, e superem os R$ 70 de renda mensal por pessoa.

Concluindo finalmente a BOLSA FAMILIA no BRASIL veio acudir muito gente passar fome não tenhamos dúvida, mas também trouxe alguns malefícios. Parece-me que para muitos esta castrando iniciativa de muitos brasileiros de lutar e batalhar pelo sustento de sua família isso já é notado nessas serras e sertões pelo Brasil a fora e também nas cidades pequenas e metrópoles do país. E como temos já esse PIB do Brasil 2012 = 4,403 trilhões de reais. Não seria mais prudente redimensionar essa politica para geração de empregos e que resgatasse a dignidade do brasileiro na conquista do sustento da família e mais que pudesse ter seu filho em boa escola, boa alimentação, boa saúde e opção de lazer.

Gente nem todo mundo pode ter mesmo o dinheiro do seu EIKE BATISTA e se ele ou seu Bill Gates chegaram onde estão tem seus méritos. E o que estou despertando é que um pais de RANKING de sétima economia no mundo não combina gente passando fome, crianças fora da escola, pessoas sofrendo dores e a mingua nos corredores de hospitais e tantos outros desatinos. Fica o ditado popular: “Dê um peixe a um homem faminto e você o alimentará por um dia. Ensine-o a pescar, e você o estará alimentando pelo resto da vida.”.

Não quero acreditar que o BOLSA FAMILIA seja forma de amealhar votos no BRASIL a intenção de acudir quem passa necessidade é até bíblico: Porque tive fome e destes-me de comer, tive sede e destes-me de beber, não tinha casa e acolhestes-me, estava nu e destes-me de vestir, estive doente e ... Quando te vimos sem casa e te acolhemos ou nu e te vestimos? E por aí vai e que tal se essa politica do BOLSA FAMILIA fosse redirecionada para a qualificação do brasileiro da linha de pobreza , profissionalizando-o e gerando empregos para que ele se liberte da linha de pobreza e conquiste sua inclusão como cidadão brasileiro pela competência e dignidade. PENSO ASSIM.



Deixo os links abaixo para quem queira se inteirar mais desse tema.
http://veja.abril.com.br/noticia/economia/pib-brasileiro-decepciona-e-fica-abaixo-de-1-em-2012
http://pt.wikipedia.org/wiki/Produto_interno_bruto
http://www.ibge.gov.br/home/
http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201303011306_ABR_82047711
http://economia.ig.com.br/2013-03-01/pib-brasileiro-cresce-09-em-2012.html
http://www.compendiosustentabilidade.com.br/compendiodeindicadores/introducao/default.asp?paginaID=25&conteudoID=305
http://www.indexmundi.com/map/?v=65&l=pt
http://www.cartacapital.com.br/economia/brasil-sexta-economia-do-mundo/
http://www.terra.com.br/economia/infograficos/pib-mundial/
http://mundoestranho.abril.com.br/materia/quantos-paises-existem-atualmente
http://pt.wikipedia.org/wiki/Linha_de_pobreza
http://professorparaense.com/port.ditospopulares.htm
Postar um comentário