sábado, 10 de agosto de 2013

POP – PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO




TREINAMENTO DE CAPACITAÇÃO IN COMPANY
POP – PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:
DESENVOLVIDO PARA EMPRESAS QUE TRABALHAM COM MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS



 INTRODUÇÃO:
A palavra procedimento é sempre citada quando se precisa executar uma tarefa, porém há necessidade que se tenha uma metodologia para elaborar esse procedimento. O que se propõe neste curso POP - Procedimento Operacional Padrão é orientar como se faz a formatação de procedimento de execução de uma tarefa passo-a-passo em sintonia com a técnica do PDCA.
As empresas certificadas e que trabalham com Sistemas de Gestão tem seus processos sob controle e padronizados, porém só será possível isso com a execução de todas as suas tarefas que são finitas executadas através de POP seja escritos ou mentalmente.


CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:
► QUALIDADE

Cliente, Fornecedor, Meta e Produto.
Índices de controle x Índices de Verificação.
Identificação dos pilares da qualidade.

► PDCA
Entendimento do PDCA
Pratica do Ciclo PDCA.
Rodar o PDCA

► NÃO CONFORMIDADES
IA – Inspeção e Avaliação Não Conformidades.
RNC – Relatório de Não Conformidade
Relatório de Melhoria 5W + 2H

► POP
Entendimento das Etapas para formatação do POP.
Elaboração passo-a-passo do POP / Fundamentação
Especificação de Material
Elaboração de POP:
POP – Critérios de Eleição de Fornecedores,
POP - Recebimento e Tratamento de Reclamação
POP – Rastreamento de Produtos.

► HIGIENIZAÇÃO
Reciclagem da aplicação dos “5S”
Noções básicas das NRS. 24.
Boas Praticas de Distribuição Armazenamento e Transporte de Produtos

► MANUTENÇÃO
Noções básicas da Gestão de Manutenção
Sintomas x Defeito x Falha
Formatação Plano de Manutenção.

► RESULOÇÕES
Apresentação RDC ANVISA N° 59 27 de junho 2000
Destaques de pontos para observação no negócio da cliente.

► FISCALIZAÇÃO
Recepção da fiscalização visitas de inspeção
Intimações e ou infrações cometidas
Condução na correção da correção de não conformidades.

METODOLOGIA:
► Apresentação do assunto de forma discursiva com base em vivencias profissionais.
► Pratica de Elaboração de POP - Procedimento de Operacional Padrão.
► Apresentação de vídeos correlatos.
► Duração: 20hs

Publico Alvo:
DESENVOLVIDO PARA EMPRESAS QUE TRABALHAM COM MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS

Eng° José Vilmar.
Engenheiro Mecânico UFC, Pós-Graduação: Engenharia de Controle e Automação Industrial UFC/UFPR - Engenharia de Segurança do Trabalho UNIFOR - Técnico em mecânica de máquinas ETFCE/CEFET-Técnico em Eletrônica / OCCIDENTAL SCHOOLS/CF-Parecer: Nº. 699/72 – Técnico em Manutenção de Equipamentos Eletrônicos NUTEC-CE.
Gestor de Manutenção Industrial: Termelétricas – Hidroelétricas – Offshore/Plataformas em mecânica, elétrica, instrumentação e manutenção de guindastes – Têxteis - Paradas de manutenção em refinaria – Gestão de QSMA e Docência nível CEFET – Experiência internacional de transferência de tecnologia Itália/Brasil em curtumes apartir da etapa wet-blue, transferência de tecnologia Portugal/Brasil em Geração de Energia Turbina a vapor fonte básica apartir do carvão mineral com entendimento de processo, montagem de equipamentos, treinamento de pessoal para start-up, operação e manutenção industrial.
Consultor de engenharia de manutenção Industrial, segurança do trabalho e qualidade independente: Comissionamento, Avaliação, curso e adequação das NRs: 10, 13, 33 e 35, Elaboração de PPRA, PPP, Perícias, laudos técnicos, treinamentos de capacitação técnica e palestras de conscientização das normas: ISO 9001 – ISO 14000 – OSHA 18001 - SA 8000 e em especial oriento equipe de profissionais a desenvolverem seus POP - Procedimento Operacional de Tarefa.



CURSO de elaboração de POP.
PROMOVIDO PELO EMPREGADOR
PROVA DE CAPACITAÇÃO TEÓRICA


Marque a opção certa dentre as alternativas dos temas apresentados durante a exposição do Curso Elaboração de POP – Procedimento Operacional Padrão.

 1. QUALIDADE– Características da qualidade:
Marque com X a duas opção correta.
[ ] Tempo
[ ] Segurança
[ ] Custo
[ ] Precisão.

2. PROCEDIMENTO
Marque com X a opção correta.
[ ] Não há necessidade de procedimento gerencial para registro de reclamações.
[ ] A reclamação não tem que ter registro documentado como orienta o PRTR.
[ ] Não preciso que se tenha os registros de reclamações feitas.
[ ] PRTR – É o Procedimento de Recebimento e Tratamento da Reclamação.

3. CONTAMINAÇÃO
Marque com X a opção correta.
[ ] A BPF – As Boas Praticas de Fabricação/Manutenção orienta uso de Mascara.
[ ] O ar que sopra equipamentos hospitalares não precisam estar isento de óleo.
[ ] Nunca se viu falar de pessoas infectadas por contaminação hospitalar.
[ ] Os equipamento hospitalares não trazem nenhum risco de contaminação

4.Faça a relação correta entre as colunas:
1° DOCUMETAÇÃO
[ 1 ] RNC.
[ 2 ] RM 5W+2H
[ 3 ] PRTR
[ 4 ] POP

2° CONCEITOS.
[ ] Documento que investiga a causa raiz do defeito ou falha do equipamento.
[ ] Documento que informa como foi tratada a não conformidade .
[ ] Procedimento gerencial que orienta como receber e tratar a reclamação.
[ ] Procedimento operativo aplicado nas ações de corrigir defeito ou falha.


5. MANUTEÇÃO
Marque com X a opção correta:
[ ] O defeito não corrigido a tempo evolui para uma falha e para o equipamento.
[ ] Não é preciso identificar a causa raiz para correção eficaz de defeito ou falha.
[ ] Adotar critérios para eleição de fornecedores não tem nenhuma importância.
[ ] O retrabalho não deixa a manutenção desacreditada


 
RESULTADO COMENTADO DA PROVA DE CAPACITAÇÃO:
Curso de Elaboração de POP.
Na oportunidade parabenizo a todos pelo êxito de aproveitamento alcançado.
 
Resultado:
1. Questão: Qualidade
Resposta: Tempo, entrega
Comento:
As características da qualidade são E
ntrega, Tempo, Qualidade, Moral e Segurança.

2. Questão: Procedimento
Resposta:
PRTR - Procedimento Recebimento e Tratamento da Reclamação.
Comento:
Os procedimentos podem ser Gerências e Operativos.
Operativos:
Esses procedimentos incidem no passo a passo de como a tarefa está padronizada para ser executada.
E com uma sequência lógica de acontecimentos que chamamos PDCA = P [Plan] Planejamento, D [Do] Execução, C [Check] Verificação A [Action]. Sendo que cada tarefa no final de sua execução rode o PDCA que é a ação de retornar a todas os passos auditando se não há alguma não conformidade e se encontrar corrija, aconselha-se ficar atento a aspectos sobre segurança, ambiente, processo e qualidade.
Gerenciais: Esses procedimentos incidem na filosofia de trabalho da empresa como no caso do POP PRTR - Procedimento Recebimento e Tratamento da Reclamação onde a empresa orienta a forma que vai se conduzir em atender a reclamação do cliente desde seu registro de entrada passando pela investigação da reclamação, tratamento da reclamação até a resposta que será passada a cliente que fez a reclamação.                                                                                                               

3. Questão: Contaminação
Resposta:
BPF - Boas Práticas de Fabricação de produtos médicos.
Comento:
Basta que diga que se está lidando com o bem mais precioso do ser humano A SAÚDE que Vale a vida e como informado existe uma Resolução ANVISA a RDC 59 de 20 de Janeiro 2000 que orienta a prover de cuidados e procedimentos as ações correlatas a produtos médicos.
Obs:
A empresa cliente já me consultou e planeja o próximo curso referente a Certificação da RDC 59 de 20 Junho de 2000.

4. Questão: Documentação
Resposta:
Sequência de cima para baixo 1, 2, 3, 4.
Comento:
A RDC 59 de 20 de junho de 2000, orienta que a empresa que lida com produtos métodos tenha a prova documental, que tenha registros e tratamentos de não conformidades e consiga rastrear os produtos que manipula.

5. Questão: Manutenção
Resposta:
O defeito não corrigido a tempo evolui para o estado de falha e para o equipamento.
Comento:
Como foram informados um equipamento com defeito pode até funcionar mas com anomalias como perca de rendimento estando fora assim dos parâmetros para que foi projetado. Já o estado de falha não tem como o equipamento para de funcionar.

OBS:
Cabe aqui um DILEMA é sabido que talvez pela falta de sensibilidade e ou conhecimento da gravidade de alguns gestores da área de saúde chegam a manter equipamentos médicos com defeitos em atendimento, não aconselhamos esse comportamento que entendemos com desvio das BPF Boas Práticas de Fabricação de produtos médicos que implica no seu pronto funcionamento.
Nesse caso o Documento que trata dessas não conformidades é o RNC onde será aplicado sistematicamente em visitas de inspiração técnica e ou em chamadas específicas e como o Técnico já está no cliente inspeciona os demais equipamentos e emite seu laudo técnico que pode ter um dos seguintes pareceres:
1. Normal
2. Defeito
3. Falha.
Parabéns pelo aproveitamento.
 

Postar um comentário